Tendência, é assim que podemos dizer.

Após a Segunda Guerra Mundial o busto “manequim” era muito utilizado apenas pelos Estilistas, momento em que se consolidou a profissão. Era comum os ateliês terem seu próprio busto, afinal todas as roupas eram confeccionadas sobre o manequim através da técnica moulage.

Logo, mulheres refinadas passaram a ter esta peça  que apesar de sofisticada, estilosa e decorativa, era também uma garantia de que suas belas vestimentas permanecessem passadas.

Ao longo dos anos, as peças mantiveram seus traços tradicionais, e hoje é possível encontrar em outros países, manequins decorativos mantendo uma linhagem comportada,  porém o Ateliê A Designer aperfeiçoou uma linguagem dita como “decorativa e funcional”, fez-se uma releitura sobre a peça trazendo para a cultura brasileira.

Sem título2

 

 

E hoje é possível ver que Designer de Interiores, Arquitetos (as) e Decoradores têm especificado este “estilo” diferente e funcional de compor ambientes.

A novela da TV Globo retrata o belo quarto da personagem Giselle, Filha de Ricardo e Branca, que trabalha no ateliê de Marina.  No cenário constam 2 tipos de manequins.

 

 

A esquerda do casal, ao lado da cama, observamos um manequim em ferro, também conhecido como “aramado” .

Sem título5

 

Ainda no mesmo cenário, quarto da personagem Giselle, próximo ao seu closet, o Manequim Decorativo com uma estampa florida de fundo amarelo, compondo as cores de forma harmônica com a decoração.

Sem título1

 

Quer conferir na íntegra este capítulo, assim você não perderá nenhum detalhe desta decoração regada a bom gosto e muito estilo.

http://gshow.globo.com/novelas/em-familia/personagem/giselle.html#cenas/3284127

Fonte: G Show, Rede Globo.